Brasileiro Carlos Romão ganha a divisão Pérola da MPL Weekly

Magic: the Gathering

Notícia

Brasileiro Carlos Romão ganha a divisão Pérola da MPL Weekly

Este fim de semana Carlos Romão derrotou Autumn Burchett por 2-1 e venceu a Divisão Pérola no Core Split da Magic Pro League (MPL). Como vencedor da divisão, Romão ganha o direito de avançar diretamente para o Dia 2 do Mythic Championship V em outubro.

Por Leon, 12/08/19

A segunda temporada (split M20) de Magic: The Gathering MPL Weekly terminou este fim de semana e houve um abalo nas escalações para cada divisão. A MPL Weekly foi ao Twitch com o Core Set 2020 em 10 de agosto. Depois de um teste com a divisão War of the Spark, a Magic Pro League (MPL) mudou o formato e escalações de cada uma das quatro divisões. Mantendo a jogabilidade empolgante e justa, cada divisão (Esmeralda, Rubi, Safira e Pérola) tem novos jogadores com base nos rankings de divisões anteriores.

Ad

Image content of the Website
A Divisão Pérola está repleta de grandes jogadores, incluindo Brad Nelson, que ficou invicto na divisão WotS e Autumn Burchett, que venceu o primeiro Campeonato Mítico, mas Carlos Romão mostrou por que já ganhou um Campeonato Mundial e superou todos. Carlos derrotou Autumn Burchett por 2-1 e venceu a Divisão Pérola no Core Split da Magic Pro League (MPL). Como vencedor da divisão, Romão ganha o direito de avançar diretamente para o Dia 2 do Mythic Championship V em outubro.
Image content of the Website
Os decks da final abaixo.
Loading icon
Loading icon
O jogo 1 da Grande Final foi uma disputa em que Romão colocou uma das melhores cartas na partida, a sua

Vona, Butcher of Magan

, e começou a usar os outros +1 do planeswalker Sorin para aumentar o Vampiro. Burchett também jogou a melhor carta em seu baralho,

Experimental Frenzy

, mas Romão teve a resposta a bordo e usou a habilidade ativada de Vona em sua vez para destruir o Frenzy. Vona, que já é uma criatura grande, também tem vínculo com a vida, uma das habilidades mais poderosas contra um deck Vermelho. Ela acabou se tornando um 7/7 destruindo permanentes não-terrestres a cada turno, e o deck Mono-Red de Burchett simplesmente não conseguia acompanhar.

1-0 para Romão.

No jogo 2, Burchett começou com um

Fanatical Firebrand

, enquanto Romão jogou um

Legion's Landing

em seu primeiro turno. Autumn seguiu com um

Runaway Steam-Kin

enquanto Romão se tornou agressivo e atacou com o token de Vampiro para tentar obter algum dano enquanto ganhava um pouco de vida graças à capacidade de vínculo com a vida do token. Mas Burchett sacrificou Firebrand para matar o token. Depois de muita pressão, dois

Lava Coil

para destruir o

Sanctum Seeker

entre outros Burns. Burchett leva o segundo jogo.

1-1

. No jogo 3, Romão mulligou para 6, enquanto Burchett keepou a mão com 7 cartas, mas 4 terrenos. Com Experimental Frenzy não ajudando e um

Light up the Stage

que revela duas montanhas; o dia simplesmente não era de Burchett. Romão não perdoou e ganhou o jogo rapidamente com um

Vicious Conquistador

enorme cheio de marcadores. Perdeu algo da final? Dê uma olhada no vídeo abaixo!
Youtube video image

Nota

0

notícia
Profile Main Image

Leon

Programador do site da Cards Realm. O Magic vai muito além das cartas. Somos pessoas, uma comunidade enorme.

Social Youtube Brands iconInstagram Brands icon

User profile image
More comment
Decklist da Semana: Goblins Class Pauper

Decklist da Semana: Goblins Class Pauper

Melhor comandante de PDH (Pauper Commander) de Strixhaven

Melhor comandante de PDH (Pauper Commander) de Strixhaven

14 Listas de decks Standard para Strixhaven

14 Listas de decks Standard para Strixhaven

Mais artigos recentes

Mesmo autor

Beicodegeia é o MVP do Royale SuperCup 2021.1

Beicodegeia é o MVP do Royale SuperCup 2021.1

InsideGames é campeã do Royale SuperCup: Pauper Teams 2021.1

InsideGames é campeã do Royale SuperCup: Pauper Teams 2021.1

TOP 5 cartas melhores que o Elite Vanguard que não são elite

TOP 5 cartas melhores que o Elite Vanguard que não são elite

Mais do mesmo autor